Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

My Guilty Pleasure

My Guilty Pleasure

USB memory

É quando menos se espera que somos brindadas com algo inesperado e que nos faz reavivar memórias tão boas e que julgávamos já esquecidas. E nesta era do digital, até parece mais fácil e acessível conseguir ir a baus que fazem-nos recuar algures até a um passado, talvez assim não tão distante quanto isso, mas que por nos ter deixado tão gratas recordações, acaba por provocar em nós um forte sentimento de melancolia e desejo de entrar numa máquina do tempo até um dia bastante específico.

Portanto, se não é a memória que conscientemente resolve, em determinado momento, suscitar-nos um regresso ao passado mais ou menos claro, há eventos fortuítos que o fazem com notável nitidez e colocam-nos bem no zénite desse tal dia, nomeadamente quando se encontra uma pen USB perdida numa gaveta onde seria impensável estar guardado tal objeto. Num primeiro instante não se identifica o seu conteúdo mas, como é óbvio, não se resiste à tentação de espreitar o mesmo. Neste exercício arriscado de satisfação da curiosidade que há pouco pratiquei, acabei por encontrar alguns excertos de um dia em que realizei um dos meus maiores sonhos. Fica um desses excertos...

USB rewind - memórias de um sonho concretizado.

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D